Jogos Musicais – Uma intervenção lúdica, pedagógica e terapêutica

Coimbra, ESEC

28 de Janeiro e 4 de Fevereiro

Duração: 16 horas

Horário: 9H00 às 13H00- 14H00 às 18H00 ( Manhãs : conteúdo teórico; Tardes: prática laboratorial.

Incrições: https://form.jotformeu.com/63195671155359

Assente em princípios pedagógicos e sociais diferenciadores, os Jogos Musicais pretendem contribuir para o desenvolvimento criativo da sociedade (motor, cognitivo e social) através de práticas lúdicas, colaborativas e pluridisciplinares promovendo a liberdade, a experimentação criativa e a participação de todos. O Jogos Musicais têm também o objectivo de desenvolver novas práticas e aprendizagens da música através do lúdico. São, em suma, um conjunto de oportunidades de treino lúdico-musical para todos o públicos, actualmente com praticantes por todo o país e não só. Assente na ideia de que variados e simples jogos fazem mais pela criatividade que um só jogo complexo que tente resolver tudo, hoje a enorme colecção de jogos e ideias conceptuais abrem este projecto a muitas novas direcções para dar resposta às variadas necessidades dos seus frequentadores.

"Um velho paradigma necessita ser continuamente revisto: o acto de criar jogos, mais do que a participação neles muda o ponto de vista sobre tudo quanto nos rodeia, melhora a compreensão da complexidade e desenvolve as nossas mais profundas capacidades criativas e o entusiasmo pelo acto de experimentar. Diria, lúdico ao quadrado"

BitOcas Fernandes (Formador)

Objetivos:

- Abrir novos caminhos criativos para a prática musical;

- Experimentar e criar jogos performativos;

-Desenvolver aprendizagens através do lúdico;

- Ajudar em projectos educativos com novas ferramentas pedagógicas, relacionando a música com todas as outras áreas de conhecimento;

- Formar alternativas de terapia social que facilitem a comunicação e resolução de inibições ou qualquer tipo de bloqueio;

- Melhorar o relacionamento dentro de um grupo ou equipa;

- Desbloquear e espontaneidade individual e colectiva;

- Aprender a criar com poucos recursos.

Destinatários

Animadores; músicos, educadores, professores, gerontólogos, terapeutas e todos os que procuram formas alternativas de praticar a música.

Formador

Professor Vitor Fernandes (Frequentou o Conservatório de Música de Aveiro e o Curso de Percussão da Escola Profissional de Música de Espinho. Fundador da 'Orfeu Associação Cultural, criou o AparqA! - Centro Criativo da Alta Vila (2008-2011). Leccionou Expressões Integradas no Instituto Piaget de Viseu, colaborou como monitor no início do Tocá Rufar, com o serviço educativo da Casa da Música no Porto e com a Fábrica das Artes do CCB, colabora anualmente com a "Akademie fur Musikpadagogic", Oberwisel, Alemanha, colabora regularmente com várias instituições artísticas e promove continuamente iniciativas que misturam arte e lúdicidade.)

Coordenadores

Mestre António Leal (Docente ESEC) e Mestre Andreia Santos (Ex-aluna ESEC/Colaboradora IHUMANUS)

Custo

Público em Geral: 130,00€

Desconto de 20% para entidades com acordos de coorperação com o Instituto Humanus. 

Nota: Para estudantes da Licenciatura de Animação Socioeducativa,Gerontologia Social, Música e Educação Básica da ESEC serão disponibilizadas 5 bolsas no valor de 100€/cada.

Mais Informações:

E-mail: formacao.ih@gmail.com